Análise do Bitcoin e Ethereum: BTC sobe US$ 2.000, acima dos US$ 23.000 com o FED elevando a taxa de juros bancária

As criptomoedas valorizaram na sessão de hoje, à medida que os mercados continuaram a reagir ao último aumento da taxa de juros do Federal Reserve. O Fed optou por elevar as taxas em 75 pontos base (bps) pela segunda reunião consecutiva. O Bitcoin subiu acima da marca de US$ 23 mil, com o Ethereum subindo para uma nova alta de seis semanas acima da marca de US$ 1.700.

Bitcoin tem alta de 5%

O BITCOIN (BTC) está sendo negociado em alta na quinta-feira, com os preços subindo após o último aumento da taxa de juros do Federal Reserve.

O movimento do banco elevando a taxa de fundos federais em 0,75% levou o bitcoin a uma alta intradiária de US$ 23.358,34 no início da sessão de hoje.

Até o momento, este é o nível mais alto que o BTC/USD atingiu desde a última sexta-feira, 22 de junho, quando os preços foram mantidos perto de um nível de resistência de US$ 24.000.

Gráfico Diário BTC/USDT – Fonte: Coinmarketcap

Os ganhos anteriores chegaram a diminuir um pouco, com alguns touros optando por abandonar suas posições, em vez de tentar estender a tendência de alta, levando o bitcoin a ser negociado a US$ 22.949,05, porém os traders voltaram a empurrar os preços acima dos US$ 23000,00, quebrando o teto do Ìndice de Força Relativa (RSI) que estava em 57.

Agora o Bitcoin precisa romper a barreira mais próxima que são os US$ 24.000,00 para ganhar novo impulso.

Ethereum sobre mais de 8%

O Ethereum também está no verde na quinta-feira, com os preços ultrapassando um nível de resistência importante.

O ETH/USD rompeu brevemente seu ponto de resistência em US$ 1.645 mais cedo, na sessão de hoje, atingindo uma alta de US$ 1.725,00 no processo, alta de 8,32%.

Este foi o preço mais alto do Ethereum desde 10 de junho, quando os preços estavam sendo negociados a uma alta acima de US$ 1.800.

Gráfico Diário ETH/USDT – Fonte: Coinmarketcap
fonte: news.bitcoin

Deixe uma resposta